Músicas da Semana #200

Escolhas de Quelle Dead Gazelle:

Galgo

Galgo – Tokutum
É uma música do novo disco que ainda não saiu dos Galgo. Estes putos foram uma das melhores surpresas que tivemos nos últimos tempos. Tivemos o privilégio de ouvir o novo álbum, e tem-nos acompanhado em quase todas as viagens que temos feito pelo país. Escolhemos esta malha porque tem um flow Led Zeppelin misturado com qualquer coisa gangsta. Atentem, que estes Galgo vão dar que falar.

Halloween – Mr. bullying
Porque, no fundo, nunca ninguém gostou de ir à escola.

Badbadnotgood (feat. Kaytranada) – Lavender
Porque os BBNG são uma das bandas mais originais que têm aparecido e conseguiram mostrar que o hip-hop pode ter muito para dar ainda, se o pessoal se der ao trabalho de explorar novas formas de o fazer.

Neurosis – Under the Surface
Porque Quelle Dead Gazelle não seria nada se não se ouvisse discos como o Times of Grace. E um agradecimento ao Ângelo Lourenço por nos obrigar a ouvi-los.

The Shaolin Afronauts – Kilimanjaro
Esta também já fez muitas viagens connosco. É aquele groove que nos dá vontade de continuar a fazer as pessoas mexerem a anca.

Escolhas de Cláudia Andrade:

Mogwai

Mogwai – Portugal
Foi um mês cheio de emoções fortes que terminou com uma alegria imensa. Portugal é campeão europeu e somos uns sortudos por vivermos neste tempo e termos assistido a este momento histórico. A primeira música da semana serve de banda sonora e homenagem a este nosso país e a este feito que vai ficar para sempre marcado nas nossas memórias. Que se faça mais história em Portugal.

Misþyrming – af þjáningu og þrá
Vou sentir falta dos jogos da Islândia.

SUMAC – Rigid Man
A Amplificasom presenteou-nos no Sábado passado com uma AmpliSession muito especial, um mini festival solidário para a Liga Nacional Criança Esperança Renascer que contou com a presença dos gigantes SUMAC (banda de Aaron Turner, Brian Cook, Nick Yacyshyn) que deixaram a Sala 2 do Hard Club em êxtase. Esta Rigid Man foi um dos pontos altos.

Peter Broderick – With The Notes In My Ears
Voltei a pegar no Home antes da chegada de Partners, o novo álbum de Peter Broderick, e este é um dos melhores álbuns para ouvir em casa deitada no sofá depois de um dia de caminhada pela natureza.

Author and Punisher – Cauterize
Ouvir a Terrorbird no lounge do Hard Club deu-me vontade de voltar a pegar no MELK EN HONING de Author and Punisher. Esta Cauterize “neurosisgodfleshiana” é das músicas mais incríveis deste álbum.

Escolhas de Ricardo Almeida:

Daniel Menche and Mamiffer

Daniel Menche & Mamiffer – Calyx
Sábado foi um dia especial. Fui até ao Porto para ver uma das minhas bandas preferidas, os Mamiffer, naquela que foi a última Amplifest Session antes da sexta edição do festival. Em relação ao concerto nada digo, que há coisas que não se explicam, mas aconselho todos os que não estão familiarizados com o projecto de Faith Coloccia e Aaron Turner a escutarem o disco que lançaram este ano, The World Unseen.

SUMAC – Clutch Of Oblivion
Aaron Turner é mestre da desconstrução e em Sumac faz-nos o favor de redistribuir trabalhos na urgência do hardcore e no abalo do sludge – isto em ansioso ensaio sobre o desconforto. Se por um lado puxa o metal para território dado ao improviso, por outro dá ideia que estamos perante algo que foi cuidadosamente esboçado antes de se materializar. Devaneios à parte, Sumac foi bruto todos os dias e um dos melhores concertos a que já assisti. Acabou por ser o meu preferido da noite.

Ben Frost – You Me and the End of Everything
Estava a planear comprar um gira-discos novo este mês mas, uma vez que fiz aninhos no dia 3, aterrou-me um novo cá em casa. Assim sendo, os dinheiros que poupei serão gastos sem misericórdia em discos, e a primeira coisa que fiz questão de encomendar foi este do Ben Frost.

ISIS – Hand of the Host
“Olha lá, ó Ricardo, porque é que tens uma t-shirt do Estado Islâmico”; “Não, chefe, nada disso. Isto é uma banda”.

Nirvana – Something In The Way
É segunda-feira. E por aqui já sabem que escusam de falar comigo à segunda-feira e que vou desaparecer do mapa durante a hora de almoço.

Arte-Factos

Webzine portuguesa de divulgação cultural. Notícias, música, cinema, reportagens e críticas. O melhor da cultura num só lugar.

Facebook Twitter LinkedIn Google+ YouTube