5 filmes para desenjoar do Dia dos Namorados

5 filmes para desenjoar do Dia dos Namorados

Michael-Fassbender-Shame

É 14 de Fevereiro e já não aguentas ver ursinhos e corações por todo o lado?
Nós temos a solução: uma lista de propostas de cinema que irão elevar o bom gosto da data!

“O Sacrifício” de Andrei Tarkovsky (1986)

Não há nada melhor para desenjoar do dia dos namorados que um filme que te mostre o quão difícil é a vida e os sacrifícios que tens de fazer para cá andar. Por isso, é de aproveitar o ciclo de cinema russo que está a decorrer, indo até ao Teatro do Campo Alegre assistir a esta dose de realidade que é o que faz falta neste dia.
Quem estiver em Lisboa, pode sempre ir ao Espaço Nimas ver o “Nostalgia”. Também não vai encontrar um filme romântico.

~ recomendação de Cláudia Andrade

“Brief Encounter” de David Lean (1945)

É um tratado sobre como o adultério é mais romântico que uma relação. Para ver a dois. Ou a três.
~ escolha de Jorge de Almeida


Melancholia” de Lars Von Trier  (2011)

Não adianta nada andarem todos apaixonados a estourar dinheiro com outros, se o mundo vai acabar (e rapidamente). Gastem em vocês, amigos.
~ escolha de Lúcia Gomes


“Amour” de Michael Haneke (2012)

Porque o amor pode ser a única maneira de dar sentido a uma história de terror chamada mortalidade.
~ recomendação de Bruno Fernandes


“Shame” de Steve McQueen (2011)

Sexo e amor não são a mesma coisa e o primeiro pode ser psicologicamente implacável.
~ recomendação de David Bernardino

Arte-Factos

Webzine portuguesa de divulgação cultural. Notícias, música, cinema, reportagens e críticas. O melhor da cultura num só lugar.

Facebook Twitter LinkedIn Google+ YouTube