Competição Nacional Curtas 3

Competição Nacional Curtas 3

GUESTGHOST

Guest + A Host = A Ghost

A curta-metragem de Jorge Jácome é uma reflexão sobre questões e resultados. Usando o título de um trocadilho com autoria do dadaísta Marcel Duchamp, a narrativa não tem história. Tal como o jogo de palavras do título, joga com as conjugações improváveis. É uma junção de ligações intuitivas e imagens que, conjugadas, adquirem um novo significado. É uma sequência de planos sem discurso. Assistimos a coisas tão díspares como ovos ligados a uma espécie de incubadora e debaixo do calor de uma lâmpada, constelações feitas de sinais no corpo, uma aplicação que permite descobrir as constelações no céu. No entanto, tudo culmina num novo nascimento ou descoberta.

7estrelas

ODesviodeMetternich

O Desvio de Metternich

A curta-metragem de Tiago Melo Bento conta, em menos de meia hora, a viagem Leopoldina de Hasburgo até ao Brasil, para encontrar D. Pedro IV, Rei de Portugal e Imperador do Brasil (como Pedro I). Numa sequência a preto e branco, seguimos uma história da viagem até ao Brasil, acompanhada por uma narração com voz feminina. Mas, no desvio de Metternich, encontra um paraíso no meio do Atlântico, os Açores. A par da serenidade das paisagens, os relatos remetem para a reflexão e saudade.

8,5estrelas

RochaseMinerais

Rochas e Minerais

Realizada por Miguel Tavares, esta curta apresenta duas amigas num hotel enquanto recordam emoções da infância e adolescência. Somos remetidos a tempos passados através dos retratos analógicos de infância. Os retratos são contextualizados com a voz da protagonista que nos conta que no inicio era difícil relacionar-me com outras crianças, mas que depois fez amigos. Também começaram  a gostar de rapazes e gostavam de ficar sozinhas com eles no quarto sem os pais darem conta. É Verão e é tudo nice and easy. Treinam ténis e deslumbram-se com o passado. Vêem as dores de crescimento com leveza.

6estrelas

The Hunchback

The Hunchback

Ben Rivers e Gabriel Abrantes uniram forças para recriar esta história, baseada num conto de As Mil e Uma Noites. Trata-se de um programa de reabilitação emocional através do Centro de Terapia de Dalaya. Este processo de reintegração emocional dá-se transportando os pacientes para uma outra época, com vestes e maneirismos à altura. Todos aqueles que se encontram no centro, acabam por se cruzar também naquele cenário rural. Acompanhamos então a redescoberta das emoções por Timmy (Carloto Cotta), um corcunda com queda para o azar. Mas é esse azar que torna tudo maravilhoso (às vezes não dá como não gargalhar com o mal dos outros) e em meia hora a nossa atenção mantém-se no mesmo sítio, sem haver um nenhum momento que nos faça revirar os olhos ou bocejar, provocando-nos um riso fácil. A avaliar pela recepção do público durante a projecção, não é de todo inusitado que tenha vencido o prémio de Melhor Curta-Metragem Portuguesa. Merecido.

9estrelas

Faço uns rabiscos aos quais gosto de chamar ilustrações. Escrevo e tiro umas fotografias. Modelo ocasional. Designer.

Facebook LinkedIn Google+